Voltar
Legenda: A propósito do duello
PINHEIRO, Rafael Bordalo (1846-1905)
Crédito: © Museu Bordalo Pinheiro | EGEAC
Partilhar no Facebook
Classificações
Título
A propósito do duello
Autorias
Cronologia
04/03/1880

Medidas

Altura 320,00 mm

Largura 463,00 mm

Nº inventário
MRBP.GRA.2739
Descrição
Folha dupla (4 pag.) de "O António Maria", 4/3/1880. Na frente, ocupando as duas páginas centrais da publicação, registo pícaro, "aos quadradinhos", ilustrando um duelo no Montijo entre Emídio Navarro e Manuel Vaz Preto Geraldes, em que os dois disputam a vitória pelo maior número de ostras que cada qual consegue comer. Um dos padrinhos é o ministro da Justiça Adriano Cardoso Machado. Um duelo teve de facto lugar, a 2 de Março de 1880; o seu motivo foi um discurso inflamado de Vaz Preto na Câmara dos Pares, duramente criticado por Emídio Navarro no jornal "O Progresso", ao qual o visado reagiu em defesa da honra. No verso, à esquerda, sob os títulos "Os oradores da semana" e "Cenas do pariato", registos de cenas parlamentares onde surgem , no uso da palavra, o deputado progressista Joaquim José Maria de Oliveira Vale e o conde de Valbom, par do Reino; em baixo, Barros e Sá e o visconde de Chanceleiros, também pares do Reino, o segundo dirigindo-se à Câmara; e o duque de Ávila dirigindo uma sessão da câmara alta. Ainda no verso, à direita, registo caricatural de personagens e intérpretes de uma peça em cena no Teatro de D. Maria. Os protagonistas dispõem-se sob um guarda-sol, sobre o qual se empoleira a actriz Paladini com corpo de pomba. Em redor, distinguem-se, entre outros, as actrizes Carolina Falco, Virgínia, Rosa Damasceno, e o actor João Rosa, além do encenador José Romano.
Copyright © Museu Bordalo Pinheiro - Todos os direitos reservados
in web. Acesso online à Coleção. Sistemas do Futuro